Profile Main Image

Roger Schola

Explorando a selva Pioneira - Abzan Rallystocrats - Full e Budget

Vamos explorar as terras selvagens do Pioneer, então coloque sua roupa de Indiana Jones e partiu para o cemitério.

Olá, juventude! Tudo na paz? Hoje iremos novamente explorar as terras selvagens do Pionner, então coloque sua roupa de Indiana Jones e partiu para o cemitério. No artigo de hoje lhes trago um deck bem versátil, com uso do cemitério e sinergia de habilidades das criaturas. É o Abzan Rallystocrats. [image](https://cardsrealm.com/images/cartas/en/frf-fate-reforged-rally-the-ancestors-22.jpg) *OBJETIVO DO DECK* Abzan Rallystocrats é um baralho que tem varias formas de ganhar. Você pode combar ou até mesmo focar em agredir o seu adversário com as suas criaturas, utilizando o sacrifício para encher o campo com fichas de zumbi e deixar algumas criaturas com poder suficiente para matar o adversário. Traga de volta suas criaturas do grave para começar tudo de novo. [image](https://cardsrealm.com/images/cartas/en/bfz-battle-for-zendikar-zulaport-cutthroat-126.jpg) *CONSTRUÇÃO DO DECK* Este baralho é construído inteiramente em torno da mágica [card](Rally the Ancestors), na qual com apenas 4 terrenos você consegue trazer praticamente todas as suas criaturas do cemitério para o jogo. Tendo 5 terrenos, todas as criaturas do cemitério voltam para o jogo para fechar o combo. O deck tem muitas criaturas com um nível alto de sinergia. Vamos falar sobre elas e qual a função das mesmas. [card](Cartel Aristocrat) é a principal carta de sacrifício do deck, pois você consegue baixá-la com apenas 2 manas, enquanto o [card](Nantuko Husk) custa 3. Essas criaturas são importantes no deck, pois elas possuem o efeito de sacrifício gratuito, e para combar, precisamos sacrificar várias criaturas para levar a vida do adversário até 0. Sacrificamos nossas criaturas para causar dano e ganhar vida com [card](Zulaport Cutthroat) e [card](Cruel Celebrant) (usamos 4 Zulaport, pois ele comba com [card](Xathrid Necromancer), aumentando o número de fichas de zumbis que produzimos). Outra criatura que causa dano nos adversários é [card](Corpse Knight), toda vez que uma outra criatura entrar em jogo (quando você trouxer de volta as criaturas do cemiterio com [card](Rally the Ancestors), vai causar muito dano). Temos 3 criaturas que aumentam a potência do [card](Rally the Ancestors), enchendo o cemitério de criaturas. [card](Stitcher's Supplier) coloca 3 cartas do topo do deck no grave ao entrar em jogo e morrer, custando apenas 1 mana. [card](Satyr Wayfinder) custa 2, e quando entra em jogo você olha as 4 primeiras cartas do deck, escolhe uma mana e coloca na mão e o resto no grave. [card](Nyx Weaver) custa 3 manas, tem Reach e toda upkeep, você coloca as 2 primeiras cartas do deck no grave. A principal habilidade dessa carta é que, caso [card](Rally the Ancestors) esteja no grave, você consegue trazer de volta pagando 3 manas, exilando [card](Nyx Weaver) (como muitas criaturas jogam cartas do topo no grave, a chance de [card](Rally the Ancestors) ir para o grave é grande). Tambem precisamos comprar cartas para conseguirmos ter [card](Rally the Ancestors) na mão quando formos combar e algumas cartas nos ajudam nessa parte. [card](Elvish Visionary) nos dá uma compra quando ele entra em jogo e [card](Grim Haruspex) já usa o sacrifício de criaturas em nosso favor. Sempre que uma criatura não ficha for para o cemitério, compramos uma carta (usamos Grim Haruspex nessa lista porque ela é humano combando com Xathrid Necromancer). E para fechar, [card](Catacomb Sifter) nos permite dar scry 1 toda vez que outra criatura morre, nos ajudando a escavar o deck atrás do [card](Rally the Ancestors). Usamos [card](Collected Company) para aumentar o número de peças do combo no jogo, seja para causar dano, ter sacrifícios gratuitos ou para combrar cartas. Com o banimento de [card](Veil of Summer), o deck acabou tendo mais dificuldades contra decks de controle, porém temos [card](Silence) para tentar proteger nosso combo. *Deck lista:* [deck](23435) *SUBSTITUIÇÃO DE CARTAS* Para deixar o deck mais barato, temos que começar pela base de mana. Diminuímos o numero de shocks e colocamos [card](Isolated Chapel) e [card](Fortified Village) para ter mais chances de arrumar nossa curva de mana. Colocamos para dentro [card](Dusk Legion Zealot) para termos mais compras e tiramos [card](Collected Company) e entra no lugar [card](Return to the Ranks), ajudando a trazer mais vezes nossas criaturas do grave para o jogo. *Versão budget* [deck](23436) *Considerações Finais* O deck tem muita sinergia, você consegue voltar as criaturas do grave para o jogo para iniciar a brincadeira novamente, além disso tem respostas às principais dificuldades no side, pode criar um exército de zumbis, o deck é muito divertido e vocês vão gostar. [image](https://cardsrealm.com/images/cartas/en/ktk-khans-of-tarkir-grim-haruspex-73.jpg) Então por hoje ficamos por aqui, espero que tenham gostado do artigo e, principalmente, entendido o deck. Deixem seu feedback para melhorias. Tamo Junto, jovis.

Compartilhe:

User profile image
Profile Main Image

Canal Sapeando

Atualização do Metagame Pioneer 10/12/2019


Como esperado após uma semana turbulenta com o anúncio de três cartas banidas no mesmo dia, [card](Cóptero do Contrabandista), [card](Era Uma Vez) e [card](Campo dos Mortos), a semana do dia 09/12 trouxe um anúncio de “No Changes”. A pequena amostra disponível pós-alterações da banlist no dia 02/12 não foi o suficiente para definir novos banimentos. O último torneio realizado no MOL não utilizou a banlist atual, o que diminui o número de eventos relevantes para analisar o novo Metagame. Essa tabela permite observar quinze arquétipos distintos em vinte e quatro decks possíveis, uma variação de possiblidades impressionante e bastante distinta da variação anterior ao banimento. O dominante Monoblack aggro desapareceu do Metagame, aparecendo apenas com uma variação para Vampires no recorte atual. [image](https://cardsrealm.com/images/uploads/1576081649.jpeg) O Metagame parece equilibrado e precisa ser olhado com extrema atenção para identificar qualquer tipo de ameaça. A solução foi verificar as principais cartas que aparecem nos decks acima gerando a tabela abaixo (não foi levado em conta o sideboard dos decks para a elaboração da tabela): [image](https://cardsrealm.com/images/uploads/1576081654.jpeg) Assim como a maioria minha aposta básica seria em [card](Oko, Thief of Crowns) dominando o ambiente e sofrendo mais uma retaliação em um curto período de tempo, porém neste pequeno recorte Oko parece não ser uma ameaça tão imediata aparecendo menos do que Teferi, Time Raveler no Meta por exemplo. Destacando os cards mais atuantes no Metagame encontramos [card](Brazen Borrower), [card](Dig Through Time), [card](Thoughtseize e Teferi), [card](Time Raveler). [card](Thoughtseize) aparece em 20% do Metagame atual, números que não assustam tendo em vista a versatilidade da carta que pode ser utilizada por todos os arquétipos do jogo, contudo a carta não deve sofrer retaliações, trata-se de uma ferramenta importante para regular o metagame, principalmente nos jogos pré-side. [card](Brazen Borrower) surgiu nos Spoiler de Eldraine como uma das grandes cartas da edição, comparada a [card](Vendillion Clique), a carta parece finalmente conquistar o espaço de destaque que era esperado em seu lançamento. Dominante no standard a fadinha começa a aparecer de forma mais efetiva no Pioneer, isso já reflete no valor do card que disparou na última semana. Ainda é cedo para ter medo, mas não custa ficar de olhos abertos para os 24% de representação observado nesse recorte. [card](Dig Through Time) foi apontada como uma das cartas mais perigosas do formato, mas o banimento das Fetch Lands parecia manter a carta sob controle. Nesse recorte podemos ver o crescimento do card no Metagame com 36% de aparição nos decks, presente em praticamente todos os decks com azul, ainda que apenas com uma cópia, o card começa a levantar suspeitas e sua sinergia com [card](Nexus of fate) pode acelerar o processo de banimento. [card](Teferi, Time Raveler) chega as 24% deixando seu principal concorrente, [card](Oko, Thief of Crowns), longe dos holofotes, Oko aparece com apenas 8% (dois decks). Os números poderiam ser piores com a inclusão dos sideboards na análise, chegando a 32% de presença no Metagame. O baixo custo de mana do card unidos a uma habilidade estática extremamente relevante já levaram a pedidos de banimento de Teferi, Time Raveler no Standard e aparentemente podem comprometer o futuro do card em Pioneer. [card](Nexus of Fate) merece uma menção honrosa na lista dos cards mais preocupantes e desregulados disponíveis em Pioneer, com o banimento de [card](Campo dos Mortos) existe a possibilidade de um aumento substancial no número de Simic e Bant Nexus no Metagame. O cards tem histórico de banimento no MTG Arena e foi severamente criticado pela comunidade enquanto presente no Standard, mais uma vez vale a pena ficar de olho no desenvolvimento do deck nas próximas semanas. [image](https://cardsrealm.com/images/uploads/1572980947.jpeg) Carlos Eduardo Tognoli

Compartilhe: