Profile Main Image

Canal Sapeando

Sapeando o fim da Okotuberfest

Superamos a tradicional Oktoberfest com 49 dias de imposição total de uma carta sob o formato

Para os jogadores de Magic the Gathering, principalmente do Standard, Outubro de 2019 teve 49 dias. Superamos a tradicional Oktoberfest com 49 dias de imposição total de uma carta sob o formato como poucas vezes visto anteriormente. Provavelmente o estrago causado por Oko, Thief of Crowns só pode ser comparado ao estrago causado por [card](Skullclamp) e [card](Jace, the Mind Sculptor) junto a [card](Stoneforge Mystic). Hoje conhecemos três novos cards banidos no Standard, [card](Oko, Thief of Crowns), [card](Once Upon a Time) e [card](Veil of Summer) entram para a história das cartas banidas no formato onde isso não deveria acontecer como fruto do metagame mais desequilibrado e mal projetado dos últimos anos. Thrones of Eldraine, além de novas mecânicas interessantes e novos conceitos artísticos também nos trouxe uma das piores experiências de jogo dos últimos tempos. Cores desbalanceadas e cards com erros terríveis de design cometidos pela equipe de desenvolvimento Wizards junto à tentativa desesperada de corrigir o formato com três cartas banidas em um único anúncio. Era possível sentir a expectativa da comunidade para o fim do Okotuber Standard e a esperança de dias melhores para o formato. Algumas perguntas apareciam com frequência nas redes sociais, *“Oko será banido sozinho?”*, *“O que mais pode ser banido para equilibrar o metagame?”* e nos grupos mais interativos era possível encontrar listas de cartas apontadas pela comunidade como possíveis banimentos, dentre elas os dois bans confirmados de [card](Once Upon a Time) e [card](Veil of Summer), mas, além as previsões confirmadas outros cards chamaram a atenção ao serem apontados, [card](Cauldron Familiar), [card](Witch’s Oven) e [card](Edgewall Innkeeper), três cards incomuns, presentes em grande parte do Metagame observado antes do banimento de hoje, 18/11/2019. [image](https://cardsrealm.com/images/cartas/en/eld-throne-of-eldraine-cauldron-familiar-81.jpg) [image](https://cardsrealm.com/images/cartas/en/eld-throne-of-eldraine-witchs-oven-237.jpg) Um combo leve, prático e consistente para o standard, quando adicionados a outros cards com sinergia pode ser um grande pesadelo, [card](Midnight Reaper) e [card](Mayhem Devil) provavelmente são os dois cards mais sinérgicos e mais utilizados junto ao combo. Isso pode ser confirmado com o recente crescimento de decks ao redor dos cards, Sultai Sacrifice, Jund Sacrifice, Rakdos Sacrifice e Monoblack Sacrifice vinham ganhando espaço no Metagame e devem aparecer com mais ainda mais força agora. Sem o empecilho causado por [card](Oko, Thief of Crowns) que conseguia responder ao [card](Witch’s Oven) rapidamente desde o primeiro jogo existe uma forte tendência de crescimento para os Sacrifice decks. [card](Cauldron Familiar) se aproveita de toda a mecânica da edição com diversas cartas geradoras de “comida”, mas sua grande força se encontra na sinergia com [card](Witch’s Oven), nesse caso o banimento mais provável seria o artefato, mantendo o gatinho livre no standard, ainda com potencial de jogo, mas com menos velocidade e mais fragilidade para as interações dos oponentes. [card](Witch’s Oven) tem todas as qualidades necessárias para gerar o caos no formato, trata-se de um artefato o que diminui as chances de uma remoção nas partidas pré sideboard, tem o custo de mana de apenas uma mana genérica, o que permite a utilização da carta em qualquer combinação de cores sem nenhum tipo de prejuízo, esses fatores somados a sinergia da carta com o formato e a chance de retirar o alvo e pifar as Adventure Spells dos oponentes tornam [card](Witch’s Oven) em um grande alvo para o próximo anúncio. [image](https://cardsrealm.com/images/cartas/en/eld-throne-of-eldraine-edgewall-innkeeper-151.jpg) Edgewall Innkeeper já provou seu valor no Standard com algumas variações de Deck baseados sem seu espantoso Card Advantage. Inicialmente era possível encontrar várias listas de Jund Adventure como apostas para o Standard de Thrones of Eldraine, essa aposta se transformou em um leque de opções mais amplo com diversos decks presentes, Selesnya Adventure, Golgari Adventure e Grull Adventure também vinham ganhando espaço no metagame e tendem a crescer no novo Standard com o fim da Okotuberfest decretado. Carlos Eduardo Tognoli [image](https://cardsrealm.com/images/uploads/1572980947.jpeg)

Compartilhe:

Profile Main Image

Leonardo Pessôa

Pontos fortes e fracos do MagicFest São Paulo 2019.2


O MagicFest São Paulo pode ter um significado diferente para cada pessoa que resolve viajar até o evento. Alguns querem conhecer outros jogadores e formar novas amizades; outros querem se tornar jogadores profissionais; ainda há os que estão lá pelos prêmios oferecidos; entre várias outras opções, cada um com sua história. [image](https://cardsrealm.com/images/uploads/1574110452.jpg) *PONTOS POSITIVOS* *Prize wall mais diversificada, com cartas gigantes, livros, singles etc...* Se já jogou um Magicfest, você já passou por aquele momento que recebe uma quantidade de Tix e se pergunta: "E agora?". Tix é a moeda do Magicfest e infelizmente, nos Magicfests anteriores, ela só podia ser trocada por deckboxes, pacotes de Boosters ou Boosters Box. Boosters boxes ainda são os grandes prêmios e o que mais vale a pena dentro da Prize Wall, mas é muito bom saber que a moeda pode ser trocada por outros itens. *Split X-0 oficialmente utilizado para os eventos casuais, possibilitando com que os jogadores não tivesse que esperar os próximos pairings para buscar a premiação e procurar outro torneio* Em Magicfests, muitos jogadores ao fazerem 2-0-0 preferem empatar o última jogo e garantir uma premiação melhor com o 2-0-1 em alternativa do 2-1-0. Para empatar você tinha que esperar ser emparceirado e depois conversar com o seu oponente para ver se ele topava. Quem quer jogar se sentia mal por querer jogar e quem quer empatar se sentia mal por ter que ficar convencendo os outros a não jogar. Agora tudo mudou, você declara o empate antes da última rodada e só joga ela quem quer. *Lojas com foils a preço baixo* O melhor lugar para comprar foil continua sendo o Magicfest! *Eventos menores 3-0, possibilitando que os jogadores participassem de mais torneios durante o dia* Antes os torneios eram ON DEMAND com uma quantidade máxima que podia chegar a 5 rodadas. Agora eles limitaram os torneios a 3 rodadas, o que deixou o jogo mais rápido. *PONTOS NEGATIVOS* *Preço dobrados da Prize wall, mesmo ganhando dois eventos casuais de 3 rodadas não me senti satisfeito com o retorno* Uma Booster Box estava 720 Tix. O custo da Prize Wall estava o dobro comparado ao último Magicfest que ocorreu neste mesmo ano. Não há explicações finaneiras para tal aumento. *Eventos com prêmios menores* Os eventos são menores o que acarreta em obviamente prêmios menores, mas a sensação é que a premiação diminui de forma desproporcional. *Poucas pessoas participando, evento principal com pouquíssimos participantes* Menos de 500 pessoas participaram do evento principal. O Commander celebration se viu muitas vezes vazio. *Deckboxes faltando em pacotes pré-pagos* A CFB events teve problemas com relação às deckboxes prometidas nos pacotes pré-pagos como o pacote Fanático. Não teve deckboxes para todo mundo. Quem não teve foi compensado com 20 Tix.

Compartilhe:

Profile Main Image

Leon Diniz

Explicações da Wizards para banir Oko, W&S, Veil, Narset e OUAT


Este artigo é uma tradução do [link](https://magic.wizards.com/en/articles/archive/news/november-18-2019-banned-and-restricted-announcement?tij&fbclid=IwAR3JyGw4gp5-133Ek97HZl5eGVyH5imNnw1o3kwtGW_VnfUA4PqLvYOq3aM)(anúncio feita pela Wizards of the Coast hoje.) *Data do anúncio*: 18 de novembro de 2019 *STANDARD* [card](Oko, Thief of Crowns) está banido. [card](Once Upon a Time) está banido. [card](Veil of Summer) está banido. *BRAWL* [card](Oko, Thief of Crowns) está banido. *LEGACY* [card](Wrenn and Six) está banido. *VINTAGE* [card](Narset, Parter of Veils) está restrita. *Data de entrada em vigor no Magic de mesa*: 22/11/2019 *Data de entrada em vigor no Arena MTG*: 18/11/2019 *Data de entrada em vigor no Magic Online*: 18 de novembro de 2019 A lista de todos as cartas banidas ou restritas, por formato, [link](https://magic.wizards.com/en/game-info/gameplay/rules-and-formats/banned-restricted)(está aqui). *Próximo anúncio da B&R*: 16 de dezembro de 2019 *STANDARD* [image](https://cardsrealm.com/images/cartas/en/celd-eld-collector-boosters-oko-thief-of-crowns-271.jpg) Nas últimas semanas, o metagame Standard esteve em estado insalubre, por isso estamos tomando medidas significativas para corrigí-lo. As duas principais questões são o domínio dos decks Food baseados em Simic, com [card](Oko, Thief of Crowns) e a super-representação geral de verde no metagame competitivo. Decks de comida com [card](Oko, Thief of Crowns) foram os mais populares e vencedores na maior parte da temporada de Throne of Eldraine Standard. Isso culminou com quase 70% dos decks no Mythic Championship Richmond incluindo a carta. Com base nos dados do jogo tradicional de alto nível do Arena (melhor de três), apenas um dos outros dez decks mais jogados (Simic Flash) teve um confronto favorável com os decks Food Simic e apenas pouco acima de 50%. Os decks de Food mantiveram uma média de cerca de 53% de taxa de vitórias sem ser mirror, mesmo com o metagame focado em vencê-los. [card](Oko, Thief of Crowns) também reduziu a diversidade de metagame e a diversidade de jogabilidade no Standard, impedindo decks que eram feitos em volta de criaturas ou artefatos. Por fim, o nível de Oko provou ser mais alto do que o normal para o metagame atual e mais alto do que o pretendido para ambientes futuros, incluindo Theros: Beyond Death e adiante. [image](https://cardsrealm.com/images/cartas/en/eld-throne-of-eldraine-once-upon-a-time-169.jpg) Para abordar o domínio geral do verde, também estamos optando por remover [card](Once Upon a time) e o [card](Veil of Summer) do meta. Ao lado de [card](Oko, Thief of Crowns), [card](Once Upon a time) era uma das principais razões pelas quais o verde foi super-representado no metagame. Contribui para uma alta consistência de partidas fortes e fornece um nível de ajuste de mana a que outras cores não têm acesso. Essa vantagem é especialmente importante no contexto de um Standard com cinco edições com bases de mana menos flexíveis. Os dados do arena indicam que, sem remover também o [card](Once Upon a time), os decks verdes ainda continuariam poderosos e consistentes no futuro. [image](https://cardsrealm.com/images/cartas/en/m20-core-set-2020-veil-of-summer-198.jpg) Finalmente, [card](Veil of Summer) também está desempenhando um papel importante na prevenção do metagame de se auto-corrigir. Cartas que desempenharam papéis semelhantes no passado, como [card](Autumn's Veil) e [card](Display of Dominance), provaram um nível de energia inferior ao desejado em seus respectivos ambientes Standard, deixando o verde com uma opção mais fraca em comparação com as outras cartas de "ódio por cores" nesses ciclos. O véu do verão está no outro extremo do espectro. É muito mais eficiente do que as outras cartas em seu ciclo e, em comparação com outras ferramentas disponíveis no Standard, confere aos decks verdes muita resiliência contra remoção e interrupção. Acreditamos que essas mudanças são necessárias e suficientes para abrir o metagame Standard para um grau de diversidade muito maior, e o ambiente resultante daqui para frente corresponderá melhor à intenção do projeto. *BRAWL* [image](https://cardsrealm.com/images/cartas/en/celd-eld-collector-boosters-oko-thief-of-crowns-271.jpg) Por razões semelhantes descritas na discussão Standard, e para alinhar a mesa e o Arena Brawl, [card](Oko, Thief of Crowns) também está banido no Brawl de mesa. *LEGACY* [image](https://cardsrealm.com/images/cartas/en/mh1-modern-horizons-wrenn-and-six-217.jpg) Desde a adoção de [card](Wrenn and Six), as variantes de Temur Delver se tornaram dominantes no Legacy. Nas partidas da liga Magic Online nas últimas semanas, Temur Delver manteve uma taxa de vitórias de 56,5% e conquistou três vezes mais vitórias em 5-0 do que o deck mais popular seguinte. Mais importante ainda, ele tem uma combinação favorável contra cada um dos outros dez decks mais jogados. Embora seja uma carta forte em geral, [card](Wrenn e Six) é especialmente poderoso no Legacy por causa de sua interação com [card](Wasteland) e a prevalência histórica de criaturas de 1 de resistência que definem o meta como [card](Mother of Runes); [card](Thalia, Guardian of Thraben); and [card](Young Pyromancer). Antes da adição de [card](Wrenn and Six) aos decks de Temur Delver, o metagame do Legacy geralmente parecia saudável. A fim de enfraquecer os decks de Temur Delver e trazer o metagame para um equilíbrio melhor novamente, [card](Wrenn and Six) está banidos no Legacy. *VINTAGE* [image](https://cardsrealm.com/images/cartas/en/war-war-of-the-spark-narset-parter-of-veils-61.jpg) Após as alterações recentes na lista restrita e os resultados do Eternal Weekend North America 2019, estamos fazendo uma alteração adicional. No contexto do mana rápido e da eficiente compra de cartas disponíveis em Vintage, [card](Narset, Parter of Veils) está contribuindo para jogos unilaterais em um nível mais alto do que o saudável. Para reduzir a frequência com que uma habilidade estática inicial de [card](Narset, Parter of Veils) trava o jogador adversário para fora do jogo, Narset está restrita.

Compartilhe:

Profile Main Image

Leon Diniz

Programador do site da Cards Realm. O Magic vai muito além das cartas. Somos pessoas, uma comunidade enorme.

Social: YoutubeInstagramTwitter